Mundo & História
Satélite europeu encontra colônia desaparecida de pinguins | Mundo & História
Wikimedia

Satélite europeu encontra colônia desaparecida de pinguins

Grupo de pinguins-imperadores na Antártida era dado como desaparecido; animais foram localizados graças ao satélite Sentinel-2.

(ANSA) – Uma colônia de pinguins-imperadores havia sido dada como desaparecida foi reencontrada graças ao satélite Sentinel-2, do Copernicus, programa da União Europeia para Observação da Terra e da Agência Espacial Europeia (ESA).

Trata-se da colônia de Halley Bay, que se mudou para uma nova casa, 30 quilômetros a leste da antiga, após o destacamento de um enorme iceberg da plataforma de gelo Brunt, na região noroeste da Antártida.

Leia também: O maior iceberg do mundo está se movendo

As informações foram divulgadas pelo British Antarctic Survey, que, monitorando o continente em busca de novos locais desconhecidos de reprodução dos pinguins-imperadores, descobriu também novas colônias, elevando o total a 66.

Pinguins em busca de gelo mais estável

As mudanças nas condições do gelo marinho ao longo da costa antártica, por causa do aquecimento global, obrigaram diversas colônias a mudar em busca de gelo mais estável sobre o qual se reproduzir.

Os locais de reprodução dos pinguins-imperadores são, normalmente, remotos e inóspitos. Por isso, os pesquisadores dependem dos satélites, capazes de identificar facilmente as fezes dos animais, que contrastam contra o branco intenso do gelo e da neve.

Leia também: Groenlândia perdeu mais gelo do que se esperava, diz estudo

Apesar das novas colônias descobertas, a perda de gelo marinho tem atrapalhado a reprodução da espécie, delineando um cenário sombrio para o futuro das aves.

“Todas as colônias exceto uma são pequenas, com menos de mil pinguins, então mesmo as novas identificadas fazem pouca diferença para a dimensão total da população. Na verdade, a conquista foi praticamente ofuscada pelas falhas reprodutivas relatadas recentemente”, lamentou Peter Fretwell, do British Antarctic Survey. (ANSA).

Mundo & História está no Instagram, WhatsApp, X, Facebook, Telegram e Google Notícias. Não deixe de nos acompanhar por lá!

Mario Cavalcanti

Jornalista pioneiro no campo da internet brasileira, Mario Cavalcanti começou a trabalhar com conteúdo online em 1996, tendo passado por portais de destaque como Cadê?, StarMedia Brasil, iBest, Globo.com e Click21. Gosta de assuntos como mistérios, criptozoologia, expedições e descobertas científicas. É editor do portal Mundo & História e também coeditor da revista de contos Histórias Extraordinárias, da Editora Mundo.

Do passado ao futuro. Dos confins do universo às profundezas do mar. Mundo & História é um portal de notícias focado essencialmente em conteúdos de teor científico, curioso e histórico.