Mundo & História
Pesquisadores chineses desenvolvem pele eletrônica com regulação isotérmica | Mundo & História
Robôs humanóides na Conferência Mundial de Robôs 2023, em Beijing, capital da China, em 16 de agosto de 2023. (Xinhua/Xu Jiayi)

Pesquisadores chineses desenvolvem pele eletrônica com regulação isotérmica

Pele térmica utiliza um delicado recurso de geração e dissipação de calor para regular a temperatura.

Pesquisadores chineses desenvolveram uma nova pele eletrônica sobre a qual disseram ter obtido “excelente regulação isotérmica”.

Os pesquisadores da Universidade de Ciência e Tecnologia da China desenvolveram a pele eletrônica termorreguladora (thermo-e-skin, em inglês) com estruturas biomiméticas, que imitam o mecanismo de termorregulação do corpo humano ao integrar um dispositivo termoelétrico flexível com um material compósito de hidrogel.

Pesquisadores chineses desenvolvem pele eletrônica com regulação isotérmica | Mundo & História
Crédito: Nano Energy

A partir de um delicado equilíbrio de geração e dissipação de calor, a pele térmica manteve uma temperatura de superfície estável de 35 graus Celsius em uma ampla faixa de temperaturas ambientais, de 10 graus Celsius a 45 graus Celsius.

Pele é componente ideal para futuros robôs inteligentes

Nos últimos anos, a pele eletrônica realizou funções hápticas semelhantes às humanas e processou neuro-respostas estáveis, imitando o corpo humano em diferentes graus, tornando-se um componente ideal para futuros robôs inteligentes. No entanto, sua função de termorregulação é limitada ao simples aquecimento ou resfriamento, o que significa que é incapaz de manter a regulação isotérmica por um longo tempo em ambientes complexos e em mudança.

O estudo foi publicado na revista Nano Energy.

Da Agência Xinhua.

Mais sobre a China

Primeiro navio de cruzeiro de grande porte da China faz viagem comercial inaugural
China construirá novo conjunto de telescópios na Antártida
Panda gigante que retornou à China encontra o público
Pequim tem maior número de horas com temperatura abaixo de zero desde 1951

Mundo & História está no Instagram, WhatsApp, X, Facebook, Telegram e Google Notícias. Não deixe de nos acompanhar por lá!

Mario Cavalcanti

Jornalista pioneiro no campo da internet brasileira, Mario Cavalcanti começou a trabalhar com conteúdo online em 1996, tendo passado por portais de destaque como Cadê?, StarMedia Brasil, iBest, Globo.com e Click21. Gosta de assuntos como mistérios, criptozoologia, expedições e descobertas científicas. É editor do portal Mundo & História e também coeditor da revista de contos Histórias Extraordinárias, da Editora Mundo.

Do passado ao futuro. Dos confins do universo às profundezas do mar. Mundo & História é um portal de notícias focado essencialmente em conteúdos de teor científico, curioso e histórico.