Mundo & História
Palácio de Versalhes: 5 curiosidades sobre este ponto turístico na França | Lifebrunch
Palácio é um dos pontos turísticos mais importantes do país. (Foto: Pexels/Kirandeep Singh Walia)

Palácio de Versalhes: 5 curiosidades sobre este ponto turístico na França

Historiadora da arte e guia turística ressalta a importância histórica do lugar onde foi assinado o Tratado de Versalhes.

O Palácio de Versalhes, localizado na França, é um dos pontos turísticos mais visitados da Europa, com cerca de 15 milhões de pessoas passando anualmente por lá. O Palácio de Versalhes é um castelo real localizado na cidade de Versalhes, que fica a 20 km de Paris.

O local foi construído durante o reinado de Luís XV, que governou a França entre 1661 e 1715, e representa um grande símbolo do poder dos monarcas no país, além de mostrar o padrão de vida luxuoso dos reis e da nobreza. O ponto turístico é considerado Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

Curiosidades sobre o Palácio de Versalhes

Morando em Paris desde 2011, Helena Ribeiro, historiadora e guia credenciada pelo Ministério da Cultura da França, elencou cinco curiosidades que os visitantes precisam conhecer no Palácio de Versalhes.

1 – Arquitetura

Visitantes do mundo inteiro ficam encantados com a arquitetura barroca do Palácio de Versalhes. Sinônimo de luxo e riqueza, o interior do palácio é composto por pinturas no teto da época renascentista, paredes com mármore e arabescos de ouro, muito presentes na decoração.

2 – Salão dos Espelhos

O palácio conta com o Salão dos Espelhos, projetado pelo arquiteto francês Jules Hardouin-Mansart e construído entre 1678 e 1684, no reinado do rei Luís XV. O salão tem 73 metros de comprimento, 240 metros de largura e um teto de 40 metros de altura decorado com pinturas coloridas. Charles Le Brun, um notável artista francês do período, pintou 30 composições no teto abobadado representando Luís XV e a gloriosa história da França. O salão teve vários usos, funcionava como sala do poder, e ali muitos visitantes aguardavam. Era um local de receber visitas, bailes e havia diversas reuniões também. No local foi assinado o Tratado de Versalhes, que encerrou formalmente a Primeira Guerra Mundial.

3 – Jardim de Versalhes

Os Jardins de Versalhes são um espetáculo à parte para os visitantes. O passeio é gratuito e somente nos dias de shows é necessário comprar ingressos para entrar. Os jardins são compostos por bosques, fontes de água, grandes arbustos, esculturas e diversas estátuas. Os jardins em Versalhes representam o poder do rei Luís XV durante o seu reinado. Os jardins são praticamente um museu a céu aberto, já que existem diversas esculturas ao ar livre, 221 obras de mármore, chumbo e bronze.

4 – Ópera Real

A Ópera Real de Versalhes é o principal teatro e casa de ópera do Palácio de Versalhes. Projetado por Ange-Jacques Gabriel, também é conhecido como o Théâtre Gabriel. No local acontecem apresentações de ópera durante a temporada musical. Os visitantes podem conhecer a Ópera Real e compreender melhor sobre a sua história durante o reinado de Luís XV. O local funcionava como um teatro particular, era uma área de entretenimento da realeza, com apresentações de balé, comédia e ópera.

5 – Construção do Castelo

O castelo foi projetado pelo arquiteto francês Louis Le Vau, que morreu durante o processo das obras, deixando a conclusão para Jules Hardouin-Mansart. Só a área construída tem mais de 63 mil m², ou 15 campos de futebol, onde se encontram 2.300 cômodos, 2.143 janelas, 352 lareiras e 67 escadarias.

Leia também: Mostra de peças arqueológicas da Itália pré-romana chega a SP

Mundo & História está no Instagram, WhatsApp, X, Facebook, Telegram e Google Notícias. Não deixe de nos acompanhar por lá!

Mario Cavalcanti

Jornalista pioneiro no campo da internet brasileira, Mario Cavalcanti começou a trabalhar com conteúdo online em 1996, tendo passado por portais de destaque como Cadê?, StarMedia Brasil, iBest, Globo.com e Click21. Gosta de assuntos como mistérios, criptozoologia, expedições e descobertas científicas. É editor do portal Mundo & História e também coeditor da revista de contos Histórias Extraordinárias, da Editora Mundo.

Do passado ao futuro. Dos confins do universo às profundezas do mar. Mundo & História é um portal de notícias focado essencialmente em conteúdos de teor científico, curioso e histórico.