Mundo & História
Veja as primeiras imagens do Sol feitas pela sonda indiana Aditya-L1 | Mundo & História
Crédito: Isro.

Veja as primeiras imagens do Sol feitas pela sonda indiana Aditya-L1

Telescópio acoplado à Aditya-L1 utilizou onze filtros diferentes para fornecer observações detalhadas da atmosfera solar, incluindo manchas solares.

O Telescópio de Imagem Ultravioleta Solar (SUIT) a bordo da sonda Aditya-L1, da Organização Indiana de Pesquisa Espacial (Isro), capturou as primeiras imagens em disco completo do Sol em comprimentos de onda próximos ao ultravioleta. O feito foi anunciado na sexta-feira e representa um marco significativo na observação e na pesquisa solar.

As imagens, que cobrem uma faixa de comprimento de onda de 200 a 400 nanômetros, oferecem insights sem precedentes na fotosfera e cromosfera do Sol – a “superfície” visível do Sol e a camada transparente logo acima, respectivamente. Essas camadas são cruciais para entender vários fenômenos solares, incluindo manchas solares, erupções solares e proeminências, que podem ter efeitos profundos no clima espacial e na climatologia terrestre.

A sonda Aditya-L1 e o SUIT

O SUIT foi ativado em 20 de novembro de 2023, e, após uma fase bem-sucedida de pré-comissionamento, capturou suas primeiras imagens científicas no último dia 6 de dezembro de 2023.

O telescópio utiliza onze filtros diferentes para fornecer observações detalhadas da atmosfera solar, revelando características como manchas solares, regiões brilhantes e o Sol tranquilo. Esses filtros permitem que os cientistas estudem o acoplamento dinâmico da atmosfera solar magnetizada e os efeitos da radiação solar no clima terrestre.

Veja as primeiras imagens do Sol feitas pela sonda indiana Aditya-L1 | Mundo & História
As imagens do Sol foram feitas com onze filtros diferentes / Crédito: Isro.

Desenvolvido por uma equipe de 50 cientistas, pesquisadores e estudantes do Centro Interuniversitário de Astronomia e Astrofísica (IUCAA) de Pune, em Maharashtra, Índia, o SUIT é um dos sete instrumentos a bordo da Aditya-L1.

Sobre a missão espacial

A missão tem como objetivo abordar questões fundamentais sobre a propagação de energia da fotosfera para a cromosfera e além, os gatilhos por trás de eventos solares dinâmicos e a cinemática inicial de proeminências em erupção.

Leia também: Rolls-Royce apresenta microrreator nuclear para gerar energia na Lua

De acordo com a Isro, os dados coletados pelo SUIT vão revolucionar nossa compreensão da dinâmica atmosférica solar, lançando luz sobre os intrincados mecanismos de acoplamento e transferência de energia nas camadas do Sol.

Ao capturar imagens em diferentes alturas da atmosfera solar, o SUIT também pode contribuir para nossa compreensão da relação Sol-clima e do impacto potencial da radiação ultravioleta nos riscos de câncer de pele.

Com informações da Isro e do India Today.

Mundo & História está no Instagram, WhatsApp, X, Facebook, Telegram e Google Notícias. Não deixe de nos acompanhar por lá!

Mario Cavalcanti

Jornalista pioneiro no campo da internet brasileira, Mario Cavalcanti começou a trabalhar com conteúdo online em 1996, tendo passado por portais de destaque como Cadê?, StarMedia Brasil, iBest, Globo.com e Click21. Gosta de assuntos como mistérios, criptozoologia, expedições e descobertas científicas. É editor do portal Mundo & História e também coeditor da revista de contos Histórias Extraordinárias, da Editora Mundo.

Do passado ao futuro. Dos confins do universo às profundezas do mar. Mundo & História é um portal de notícias focado essencialmente em conteúdos de teor científico, curioso e histórico.